A Igreja Adventista deve rejeitar ajudas governamentais?

 

A Sra. White não escreveu nada sobre verbas governamentais especificamente para construção de igrejas.  Mas ela escreveu sobre a concessão de terras pelo governo.

 

30 de Janeiro de 1895

Perguntais a respeito da conveniência de receber dádivas dos gentios ou dos pagãos. [Cecil Rhodes, governador da colônia do Cabo, na África do Sul, havia doado para igreja Adventista doze mil acres de terra  para que ali se estabelecesse uma missão.] A pergunta não é estranha; mas eu vos perguntaria: Quem é que possui nosso mundo? Quem são os verdadeiros donos das casas e terras? Não é Deus? Ele tem em nosso mundo uma abundância que colocou nas mãos dos homens, pela qual o faminto pudesse ser suprido de alimento, o nu de roupa, de casa, o que não tem lar. O Senhor moverá homens do mundo, mesmo idólatras, a dar de sua abundância para o sustento da obra, se deles nos aproximarmos com sabedoria, e lhes dermos oportunidade de fazer as coisas que é seu privilégio realizar. O que nos quiserem dar devemos considerar um privilégio receber.

Devemos familiarizar-nos com homens que estão em elevadas posições, e, exercendo a sabedoria da serpente, e a inocência da pomba, podemos obter deles vantagens, pois Deus quer mover-lhes o espírito para fazer muitas coisas em favor do Seu povo. Se as pessoas devidas expusessem aos que têm meios e influência as necessidades da obra de Deus no devido aspecto, esses fariam muito para expandir a causa de Deus no mundo. Temos afastado de nós privilégios e vantagens cujo benefício poderíamos ter gozado, porque escolhemos permanecer independentes do mundo. Mas nãoprecisamos sacrificar um princípio de verdade enquanto tiramos vantagem de cada oportunidade para fazer a causa de Deus avançar. (Testemunhos para ministros, p. 197)

 

 

 

FAGAL, William. 101 perguntas sobre Ellen White e seus escritos. Tatuí, SP : Casa Publicadora Brasileira, 2013, p. 120 .


PDF: A Igreja Adventista deve rejeitar ajudas governamentais?