Declaração sobre as Sagradas Escrituras

As Santas Escrituras acham-se no fundamento da compreensão do propósito, mensagem e missão adventista do sétimo dia. Respeitamos a Bíblia como a mensagem de Deus transmitida por intermédio de escritores humanos. Embora o formato das Escrituras se manifeste em linguagem humana, bem como os antecedentes e o cenário histórico, seu conteúdo consiste de mensagens divinas transmitidas à humanidade como um todo, e principalmente aos crentes em Deus. Acima da diversidade refletida em linguagem humana está a verdade unificadora que une o conjunto formando a Palavra de Deus.

As Escrituras proveem relatos autênticos e confiáveis do Deus Criador e Suas atividades em trazer à existência o mundo bem como seus habitantes. Proveem conhecimento das origens, dão significado à vida e revelam o destino final da humanidade.

Acima de tudo, as Escrituras testificam de Jesus Cristo, que é a revelação suprema, Deus entre nós. Tanto o Antigo quanto o Novo Testamento dão testemunho dEle. Por estes motivos as Sagradas Escrituras permanecem como a revelação infalível da vontade de Deus, a norma para os valores cristãos e para a vida, a medida de todas as coisas dentro da experiência humana, e único guia confiável para a salvação em Cristo.


Esta declaração foi aprovada e votada pela Comissão Administrativa da Associação Geral dos Adventistas do Sétimo Dia (ADCOM) e foi liberada pelo gabinete do presidente, Robert S. Folkenberg, na sessão da Associação Geral em Utrecht, Holanda, de 29 de junho a 8 de julho de 1995.